Contents Previous Next

Configura o arquivo mtadm.conf e mtmon.conf

O download dos instaladores pode ser feito pelo endereço http://mtbnu.multitasknet.com.br/install

Criar no servidor MTMON um registro da empresa (Origem). Se a empresa já está cadastrada, deve ser usada a TransKEY já definida.

Para criar esta origem, siga a seqüência abaixo :

A nova origem é configurada para finalizar todos os eventos gerados. Para que os eventos sejam visiveis na CONSOLE, configure a opção Finaliza=0 na definição da Origem.

Configurar no arquivo mtadm.conf as variáveis :

ServerMTMON é o endereço do servidor do MTMON. Se para ter acesso às páginas é necessário usar um proxy, defina o mesmo na variável Proxy. Podem ser definidos vários endereços de conexão para o servidor MTMON. Quando o servidor não consegue conexão com um endereço, ele automaticamente tenta o próximo endereço definido nesta variável.

Para configurar o cliente para o servidor da Multitask, configure o parâmetro conforme exemplo abaixo :

    ServerMTMON=189.72.110.218,201.11.76.55,187.59.80.152,200.175.53.1

Server é opcional, mas simplifica na criação dos eventos, pois centraliza a definição do mesmo.

Origem é único para cada empresa. Se for o primeiro servidor que está sendo configurado no cliente, copie o TransKEY gerado no procedimento acima para o arquivo $MTADM/etc/mtadm.conf . Nos demais computadores cliente, defina a mesma origem e copie o valor da variável TransKEY.

O nome da Origem e do Servidor não pode conter caracteres diferentes de [a-z0-9_]. Nomes com letras maiúsculas serão aceitas mas geram problemas na interface gráfica, nos programas em JavaScript. Assim sendo, os seguinte nomes são inválidos :

    server-01
    server.01

O caracter especial '_' é o único aceito para nomes de Origem/Servidor. O nome Server_01 é um nome válido.

Consulte a sessão de configuração do cliente do MTMON para verificar quais opções são cabíveis para atender as necessidades de monitoração desejadas.


Contents Previous Next